Produção Científica



Dissertação de Mestrado
16/03/2022

Modelagem conjunta 2D geoidal e geotérmica: estrutura litosférica da região adjacente à Bacia Sergipe - Alagoas
Neste trabalho aplicaram-se m√©todos que integram dados geof√≠sicos e petrol√≥gicos com objetivo de estudar a estrutura crustal e litosf√©rica tomando como refer√™ncia tr√™s perfis que cruzam o dom√≠nio Salvador-Esplanada-Boquim (SEB), Faixa Sergipana, o dom√≠nio Pernambuco- Alagoas (PEAL) e a Sub-Bacia Alagoas, no nordeste do Brasil. Esses m√©todos permitiram desvendar as principais fei√ß√Ķes crustais, litosf√©ricas e suas rela√ß√Ķes tect√īnicas com a interface crosta-manto (Moho), bem como a interface litosfera-astenosfera (LAB) desta regi√£o. A estrutura da crosta foi restringida por dados geol√≥gicos, gravim√©tricos e sismol√≥gicos dispon√≠veis, e composi√ß√£o qu√≠mica para corpos que constituem o manto. Os dados utilizados s√£o as anomalias Bouguer e ar-livre, altura geoidal, topografia e dados geot√©rmicos, que tamb√©m foram associados a composi√ß√£o qu√≠mica do manto. Portanto, primeiramente realizou-se uma modelagem para estimar automaticamente a espessura da crosta e da litosfera numa abordagem unidimensional utilizando dados de anomalia de ge√≥ide e topografia acoplado √† an√°lise t√©rmica. Os resultados obtidos foram em seguida utilizados como informa√ß√£o √† priori na modelagem geot√©rmica da litosfera que permitiu obter modelos litosf√©ricos 2D mais acurados, de distribui√ß√£o de temperatura, densidade e de velocidade das ondas s√≠smicas P e S para a litosfera. Os resultados da espessura crustal mostram afinamento da crosta para o dom√≠nio SEB e o Cintur√£o Sergipano com valores variando de 32-36 km, e mais espessa para o dom√≠nio PEAL variando de 38-40 km, esses resultados est√£o em concord√Ęncia com dados s√≠smicos e gravim√©tricos. Os resultados da interface litosfera-astenosfera (LAB) mostram valores m√°ximos no dom√≠nio PEAL atingindo 202 km. O dom√≠nio SEB e a Faixa Sergipana s√£o caracterizadas por uma LAB que varia de 169 a 180 km. Com base na varia√ß√£o lateral da composi√ß√£o qu√≠mica do manto litosf√©rico, foi poss√≠vel obter o melhor ajuste das velocidades P e S, e da distribui√ß√£o de densidade. Os resultados mostram que o dom√≠nio PEAL possui uma composi√ß√£o diferente que se estende aos dom√≠nios Maranc√≥, Po√ßo-Redondo, Canind√© e Rio Coruripe.

Dissertação de Mestrado
16/03/2022

Análise sismoestratigráfica das sequências transicionais e drifte da Bacia de Almada
O presente trabalho visa a interpreta√ß√£o de dados de po√ßo e de linhas s√≠smicas 2D p√≥s-empilhadas da √°rea que abrange a Bacia de Almada, auxiliada pela interpreta√ß√£o de perfis geof√≠sicos de po√ßo. A base de dados compreende um conjunto de 50 linhas s√≠smicas p√≥s-stack migradas, sendo 22 linhas dip e 28 linhas strike. A metodologia do trabalho conta com as principais etapas para a realiza√ß√£o de uma interpreta√ß√£o sismoestratigr√°fica padr√£o, contemplando a confec√ß√£o de sismograma sint√©tico de dado de po√ßo para correla√ß√£o com as linhas s√≠smicas, al√©m da utiliza√ß√£o de atributos s√≠smicos, √ļteis para a identifica√ß√£o de termina√ß√Ķes estratais, superf√≠cies estratigr√°ficas e fei√ß√Ķes estruturais, como discord√Ęncias e falhas, por exemplo. A an√°lise sismoestratigr√°fica permitiu compreender o processo de preenchimento da Bacia de Almada, desde a regi√£o do embasamento raso at√© a regi√£o de √°guas profundas, onde foram identificadas uma sequ√™ncia de segunda ordem referente √† fase transicional e seis sequ√™ncias de segunda ordem associadas √† fase drifte. As interpreta√ß√Ķes mostraram que a evolu√ß√£o do drifte passou por tr√™s fases distintas do ponto de vista deposicional: primeiro uma fase transgressiva, compreendida entre o Turoniano e o Eomaastrichtiano, seguida de uma fase de sedimenta√ß√£o concentrada na regi√£o de plataforma entre o Neomaastrichtiano e o Mesoeoceno e finalmente uma fase regressiva, compreendida do Mesoeoceno ao recente. Foram mapeadas algumas fei√ß√Ķes geol√≥gicas importantes da bacia, tais como complexos de transporte de massa e um c√Ęnion na regi√£o da plataforma e talude, conhecido como C√Ęnion de Almada. A Bacia de Almada encontra-se inserida na categoria das bacias brasileiras da margem leste passiva, no sudeste do Estado da Bahia. Apesar da disponibilidade de dados s√≠smicos e do seu potencial petrol√≠fero, ainda √© considerada uma bacia pouco explorada. A √°rea de estudo consiste de um pol√≠gono de aproximadamente 9500km 2 . O mapeamento estratigr√°fico considerou as discord√Ęncias que limitam o topo da sequ√™ncia rifte, atrav√©s da DPR (Discord√Ęncia P√≥s-rifte); topo da sequ√™ncia Transicional, atrav√©s da DPT (Discord√Ęncia P√≥s-Transicional); e os topos de cada sequ√™ncia Drifte.A interpreta√ß√£o s√≠smica estrutural considerou a Falha de Aritagu√° que, junto com outras falhas normais que se desenvolveram na regi√£o, compartimentou a bacia em tr√™s trechos principais de falhas normais de alto √Ęngulo e rejeito, formando-se assim um sistema de falhas. O mapeamento estratigr√°fico considerou sequ√™ncias de segunda e terceira ordem. Os resultados da interpreta√ß√£o permitiram a confec√ß√£o de mapas e se√ß√Ķes geol√≥gicas, de maneira a ilustrar os principais sistemas sedimentares atuantes em cada est√°gio de sedimenta√ß√£o da bacia, de acordo com seus respectivos tratos tect√īnicos interpretados.

Dissertação de Mestrado
16/03/2022

Sismoestratigrafia correlativa entre as bacias de Tucano Sul e Rec√īncavo
A estratigrafia de sequ√™ncias, aplicada a bacias do tipo rifte, consiste em uma adapta√ß√£o do modelo cl√°ssico que se encontra em plena fase de consolida√ß√£o. Os fundamentos norteadores da estratigrafia de sequ√™ncias se aplicam em qualquer contexto de sedimenta√ß√£o e s√£o fundamentais para entender a hist√≥ria deposicional de uma bacia. O presente trabalho teve como objetivo estudar o arcabou√ßo sismoestratigr√°fico de Tucano Sul, sob o vi√©s da estratigrafia de sequ√™ncias aplicada a bacias rifte, a fim de correlacionar esse estudo com a bacia do Rec√īncavo. A partir da integra√ß√£o das se√ß√Ķes s√≠smicas compostas associadas a dados de perfis geof√≠sicos e litol√≥gicos de 15 po√ßos, foi realizado o tratamento desses dados no software de interpreta√ß√£o s√≠smica IHS Kindle. A an√°lise sismoestratigr√°fica de Tucano Sul aqui desenvolvida, envolveu a interpreta√ß√£o das termina√ß√Ķes de refletores, defini√ß√£o das unidades sismoestratigr√°ficas a partir do mapeamento de superf√≠cies-chaves, al√©m da caracteriza√ß√£o das principais sismof√°cies. Como resultado, foram individualizadas cinco unidades sismoestratigr√°ficas, segundo o modelo aqui adotado: unidade Pr√©-rifte, Rifte 1, Rifte 2, Rifte 3 e unidade P√≥s-rifte. Foram definidas cinco sismof√°cies, SF1 a SF5, cada qual com seus par√Ęmetros caracter√≠sticos. Ao fim, prop√īs-se uma discuss√£o acerca da correla√ß√£o sismoestratigr√°fica com a bacia do Rec√īncavo. Para o intervalo rifte, Tucano Sul apresentou uma sequ√™ncia sismoestratigr√°fica a menos comparada com a bacia do Rec√īncavo, indicando importante evento erosivo durante o seu desenvolvimento.

Dissertação de Mestrado
14/03/2022

Filtragem SSA e interpreta√ß√£o de dados magnetotel√ļrico do limite entre as Bacias do Rec√īncavo e Camamu
O presente trabalho prop√Ķe uma interpreta√ß√£o dos dados magnetotel√ļricos adquiridos na regi√£o da Ilha de Itaparica, Bahia, Brasil, regi√£o limite entre as Bacias do Rec√īncavo e Camamu. Numa fase anterior ao processamento desses dados, esta pesquisa prop√Ķe sua filtragem baseada nas premissas da an√°lise espectral singular e diretamente na sua s√©rie temporal. Essa filtragem foi realizada em dois est√°gios complementares: decomposi√ß√£o da s√©rie temporal inicial e reconstru√ß√£o da s√©rie original decomposta. Um modelo sint√©tico bidimencional (2-D) foi gerado para testar a efici√™ncia desse filtro, que se mostrou satisfat√≥rio tanto em aplica√ß√Ķes sint√©ticas, quanto em dados reais. A partir da filtragem, processamento e invers√£o 2-D dos dados de resistividade aparente e fase em duas dire√ß√Ķes ortogonais (modos TE e TM), foi poss√≠vel realizar uma an√°lise qualitativa das se√ß√Ķes invertidas nos permitindo identificar a distribui√ß√£o estrutural e sedimentol√≥gicas da regi√£o estudada. Al√©m da identifica√ß√£o da Falha da Barra, que marca o limite entre as duas bacias citadas, a se√ß√£o final interpretada sugere um regime estrutural caracterizado por um sistema de falhas que se acredita estar ligadas ao reflexo da zona de transfer√™ncia com invers√£o de polaridade entre as dire√ß√Ķes de mergulho da Falha de Salvador e Falha da Barra.

Dissertação de Mestrado
14/03/2022

Invers√£o de dados gravim√©tricos do sistema de Bacias Rec√īncavo ‚Äď Tucano ‚Äď Jatob√°
As diferen√ßas de densidade das rochas em subsuperf√≠cie provocam uma varia√ß√£o no campo gravitacional da Terra, conhecida como anomalia de gravidade. A interpreta√ß√£o dessas anomalias de gravidade permite uma avalia√ß√£o da prov√°vel profundidade e forma do corpo causador. Com os avan√ßos cient√≠ficos e computacionais, modelos geopotenciais foram desenvolvidos com a utiliza√ß√£o de observa√ß√Ķes gravitacionais em escala global, inclusive por meio de miss√Ķes de sat√©lites espaciais. Este trabalho investiga a estrutura do Moho na regi√£o do sistema de bacias tipo rifte Rec√īncavo-Tucano-Jatob√° com base na informa√ß√£o do campo de gravidade terrestre oriunda do modelo geopotencial EIGEN-6C4. Para tal, foi aplicada a invers√£o de dados de anomalias Bouguer no dom√≠nio da frequ√™ncia, pelo m√©todo iterativo de Parker-Oldenburg, para a determina√ß√£o da espessura e geometria da crosta na regi√£o. A invers√£o de dados de gravidade √© para um modelo de duas camadas com contraste de densidade constante na interface Moho. O m√©todo assume que todo o sinal est√° relacionado √† topografia do Moho. O programa se mostrou eficiente e pode lidar com grandes conjuntos de dados devido ao uso das fun√ß√Ķes MATLAB FFT2 e IFFT2. Os resultados alcan√ßados contribu√≠ram para o entendimento da evolu√ß√£o geodin√Ęmica do sistema de bacias em quest√£o.

Dissertação de Mestrado
14/03/2022

An√°lises espectral, fractal e multivariada: aplica√ß√Ķes em dados clim√°ticos e de perfis de po√ßos de Mo√ßambique
Esta disserta√ß√£o aplica as an√°lises espectral e fractal em s√©ries climatol√≥gicas e as an√°lises de agrupamento e discriminante em perfis geof√≠sicos de po√ßos. O primeiro caso teve como objetivo estudar a din√Ęmica clim√°tica da regi√£o sul de Mo√ßambique, especificamente para determinar a periodicidade, persist√™ncia, tend√™ncia e variabilidade ao longo termo das s√©ries de precipita√ß√£o e de temperaturas extremas do per√≠odo de 1960-2018. Os resultados das an√°lises s√£o relaci- onados com as atuais observa√ß√Ķes e proje√ß√Ķes globais do clima constantes no quinto relat√≥rio de avalia√ß√£o do Painel Intergovernamental sobre Mudan√ßas Clim√°ticas (IPCC-AR5) sobre a regi√£o da √Āfrica Austral que inclui Mo√ßambique. Em geral, o sinal de mudan√ßa clim√°tica em Mo√ßambique √© vis√≠vel, e as tend√™ncias convergem para aquelas reportadas pelo IPCC-AR5. A aplica√ß√£o das an√°lises de agrupamento e discriminante em perfis de po√ßos teve como objetivo determinar o perfil litol√≥gico e contatos fluidos em reservat√≥rios. Foram utilizados dados de perfis de cinco po√ßos perfurados sobre a Bacia sedimentar do Rovuma - Mo√ßambique. Para a discrimina√ß√£o, um po√ßo de refer√™ncia foi escolhido para treinamento, e as fun√ß√Ķes obtidas a partir deste s√£o aplicadas aos demais po√ßos. O processo classificat√≥rio foi desmembrado em tr√™s fases principais. Os dois m√©todos foram aplicados de forma paralela e os resultados s√£o confrontados em cada fase classificat√≥ria. De modo geral os dois m√©todos convergiram na defini√ß√£o litol√≥gica e na identifica√ß√£o dos fluidos. Os reservat√≥rios da regi√£o s√£o predominantemente saturados de g√°s.

Dissertação de Mestrado
14/03/2022

Processamento de dados s√≠smicos para detec√ß√£o de poss√≠veis reservat√≥rios n√£o convencionais de g√°s na Bacia do Rec√īncavo
Atualmente os reservat√≥rios n√£o convencionais tornaram-se muito atrativos para a industria, entre os n√£o convencionais existe o shale g√°s (g√°s presente em folhelho). O objetivo deste trabalho √©, atrav√©s do estudo de atributos s√≠smicos em um cubo processado, obter uma regi√£o de interesse, o Sweet Spot . Para tanto foi realizado um processamento s√≠smico composto por um fluxograma simples de processamento e uma analise dos atributos de frequ√™ncia m√©dia, COT e TecVA. A analise de COT foi obtida atrav√©s de uma rela√ß√£o linear entre imped√Ęncia ac√ļstica e COT, calculada utilizando o m√©todo Total Least Square (m√≠nimos quadrados totais) para minimiza√ß√£o do erro em ambas as dimens√Ķes. Neste Trabalho foi utilizado o cubo de aquisi√ß√£o s√≠smica 3D 0026 CEXIS da Bacia do Rec√īncavo e 14 po√ßos que foram utilizados para lineariza√ß√£o do COT. Na literatura, espera-se para reservat√≥rios n√£o convencionais valores de 4 % de COT, em uma regi√£o de hidrocarbonetos maturados. Com o estudo realizado foi poss√≠vel identificar uma regi√£o de interesse de explora√ß√£o, porem com grandes ressalvas √† qualidade dos resultados obtidos comparados com o que √© informado pela literatura, fazendo uma considera√ß√£o para regi√Ķes de 1 % de COT.

Dissertação de Mestrado
14/03/2022

M√©todos para filtragem e representa√ß√£o tempo-frequ√™ncia - aplica√ß√£o no processamento de dados s√≠smicos da Bacia do Rec√īncavo
O tratamento de dados s√≠smicos n√£o √© uma tarefa f√°cil, pois em meio √†s reflex√Ķes de interesse existem diversos ru√≠dos, em todas as por√ß√Ķes do dado s√≠smico. Os objetivos deste trabalho s√£o: processar dados s√≠smicos terrestres com a m√≠nima presen√ßa de ru√≠dos que camufla as reflex√Ķes e gerar pain√©is de atributos s√≠smicos com boa resolu√ß√£o, que possam auxiliar a interpreta√ß√£o e reduzir ambiguidades. Para atenuar o ground roll, principal ru√≠do nos dados terrestres, utilizamos o m√©todo de filtragem Singular Spectrum Analysis Recursivo Iterativo (SSA-RI) e propomos um novo m√©todo denominado M√©dia Recursiva Iterativa (M-RI), tamb√©m usado para decompor os dados em bandas de energia. Com a aplica√ß√£o de ambos os m√©todos, no dom√≠nio t ‚ąí x, o ground roll foi devidamente atenuado. Ao utiliz√°-los nos dom√≠nios f ‚ąí x e t ‚ąí k, foi poss√≠vel capturar a coer√™ncia lateral e eliminar res√≠duos que n√£o se correlacionavam espacialmente. Ap√≥s as filtragens e demais etapas do processamento, na tentativa de revelar informa√ß√Ķes valiosas para auxiliar na caracteriza√ß√£o de reservat√≥rios, geramos atributos s√≠smicos instant√Ęneos e m√©dios instant√Ęneos derivados da distribui√ß√£o de Wigner-Ville.

Dissertação de Mestrado
14/03/2022

Processamento e interpreta√ß√£o de dados s√≠smicos associados √† folhelhos gas√≥genos na Bacia do Rec√īncavo
O atual interesse em explorar reservat√≥rios n√£o convencionais na Bacia do Rec√īncavo, devido ao seu alto potencial em g√°s de folhelho, busca superar dificuldades na caracteriza√ß√£o do reservat√≥rio alvo devido a baixa raz√£o sinal/ru√≠do dos dados s√≠smicos. Para isso deve-se realizar um processamento s√≠smico √≥timo para reservat√≥rios de g√°s de folhelho, sendo este o principal objetivo do trabalho com foco em dados s√≠smicos 3D. Para otimizar a resolu√ß√£o dos dados, alguns m√©todos de filtragem s√£o introduzidos durante as etapas do processamento s√≠smico. Entre as t√©cnicas de filtragem apresentadas, encontra-se o Singular Spectrum Analysis que baseado na decomposi√ß√£o SVD, tem como objetivo atenuar a presen√ßa do ru√≠do de baixa-frequ√™ncia, o ground roll. Outra t√©cnica ¬īe a deconvoluc√£o, cujo objetivo ¬īe aumentar a resolu√ß√£o vertical principalmente na regi√£o mais rasa dos dados. Ap√≥s o processamento s√≠smico 3D busca-se caracterizar regi√Ķes contendo poss√≠veis reservat√≥rios de shale g√°s. Para isso pode-se aproveitar informa√ß√Ķes de po√ßos realizando amarra√ß√Ķes s√≠smica-po√ßo. Entretanto, em algumas regi√Ķes, a identifica√ß√£o dos padr√Ķes s√≠smicos relacionados ao shale g√°s n√£o √© clara, por isso a utiliza√ß√£o dos atributos s√≠smicos podem ser utilizados para diminuir incertezas e suposi√ß√Ķes, permitindo uma melhor interpreta√ß√£o das regi√Ķes de interesse. Para realiza√ß√£o deste trabalho s√£o utilizados os softwares de processamento Seisspace, Seismic Unix, a linguagem de programa√ß√£o fortran, e o software DUG Insight para a etapa de amarra√ß√£o s√≠smica-po√ßo.

Artigo em Revista
14/03/2022

Time-migration velocity estimation using Fréchet derivatives based on nonlinear kinematic migration/demigration solvers
Advanced seismic imaging and inversion are dependent on a velocity model that is sufficiently accurate to render reliable and meaningful results. For that reason, methods for extracting such velocity models from seismic data are always in high demand and are topics of active investigation. Velocity models can be obtained from both the time and depth domains. Relying on the former, time migration is an inexpensive, quick and robust process. In spite of its limitations, especially in the case of complex geologies, time migration can, in many instances (e.g. simple to moderate geological structures), produce image results compatible to the those required for the project at hand. An accurate time-velocity model can be of great use in the construction of an initial depth-velocity model, from which a high-quality depth image can be produced. Based on available explicit and analytical expressions that relate the kinematic attributes (namely, traveltimes and local slopes) of local events in the recording (demigration) and migrated domains, we revisit tomographic methodologies for velocity-model building, with a specific focus on the time domain, and on those that makes use of local slopes, as well as traveltimes, as key attributes for imaging. We also adopt the strategy of estimating local inclinations in the time-migrated domain (where we have less noise and better focus) and use demigration to estimate those inclinations in the recording domain. On the theoretical side, the main contributions of this work are twofold: 1) we base the velocity model estimation on kinematic migration/demigration techniques that are nonlinear (and therefore more accurate than simplistic linear approaches) and 2) the corresponding Fréchet derivatives take into account that the velocity model is laterally heterogeneous. In addition to providing the comprehensive mathematical algorithms involved, three proof-of-concept numerical examples are demonstrated, which confirm the potential of our methodology.

<<  <   1  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14  15  16  17  18  19  20  21  22  23  24  25  26  27  28  29  30  31  32  33  34  35  36  37  38  39  40  41  42  43  44  45  46  47  48  49  50  51  52  53  54  55  56  57  58  59  60  61  62  63  64  65  66  67  68   >  >>